Estudantes da ESECB/IPCB fazem "Ciência... a sério"

  

Ciencia a serio

Durante a Semana da Ciência e da Tecnologia 2017 da Ciência Viva, a Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco, através dos docentes Dolores Estrela Alveirinho e Paulo Afonso, coordenou e supervisionou a comemoração da Semana da Ciência e Tecnologia 2017 (C&T2017) que decorreu na Escola Básica de São Tiago (EB São Tiago).

Inserido no plano anual de atividades da EB São Tiago, a convite da mesma e sob o lema "Ciência...a sério" realizaram-se ateliês de ciência experimental pelos alunos do 2.º ano da licenciatura em Educação Básica e do 1.º ano do mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Esta iniciativa foi aceite no programa nacional da Semana da C&T2017 da Ciência Viva.
As atividades decorreram nas instalações da EB São Tiago e envolveram alunos de todas as turmas, do 1.º ao 4.º ano, bem como quatro turmas de crianças do pré-escolar do Jardim de Infância Quinta das Violetas, envolvendo um total de cerca de 180 crianças, acompanhadas pelos seus respetivos professores e educadoras.
Os ateliês da "Ciência...a sério!" foram desenvolvidos indo ao encontro de tópicos do currículo das crianças. Durante o decorrer dos ateliês, foi dado tempo para as crianças comunicarem as suas constatações, confrontarem as suas ideias e, sobretudo, experimentarem. Pretendeu-se assim criar oportunidades para o envolvimento das crianças no processo da experimentação em ciência, com a intenção da aprendizagem de conteúdos do currículo, promovendo a articulação com as crianças do pré-escolar, facilitando ao mesmo tempo a aproximação curricular entre os diferentes níveis de ensino.
Aos alunos da ESECB/IPCB proporcionou-se a prática educativa experiencial, o que permitiu a mobilização de conceitos e práticas adquiridas na sua formação académica. Sublinhe-se que os estudantes participaram nesta iniciativa extraletiva de forma muito motivada, responsável e empenhada.
Na Escola Básica de São Tiago as professoras responsáveis pelo desenvolvimento dos ateliês foram Elisa Correia, Maria Sanches Galante, Elisabete Máximo e a Educadora de Infância Helena Antunes do Jardim de Infância Quinta das Violetas.